Matéria mentirosa da Folha contra Aécio Neves é fruto de guerra na redação.

Lucas Ferraz, o repórter que publicou a matéria-dossiê contra Aécio Neves, da banda podre petista do jornal paulistano.

A redação da Folha de São Paulo está em conflito. A banda podre do seu jornalismo, que sempre foi petista, está atacando o bom jornalismo político da casa. Vera Magalhães, que editava a coluna Painel da Folha (que não deu uma linha sobre), teve que deixar o cargo, provisoriamente. Ocorre que ela é casada com Otávio Cabral, o jornalista da Veja que escreveu o livro sobre a história de crimes de José Dirceu, que foi contratado por Aécio Neves para ser o porta-voz da sua campanha. Da mesma forma, por ser candidato, Aécio Neves, assim como Marina Silva, tiveram que abrir mão das suas colunas no jornal. Estes fatos criaram espaço para que a turma do esgoto que também está presente dentro da Folha de São Paulo passasse a produzir matérias a mando do PT. Em cima da matéria mentirosa de ontem, o partido do Mensalão já pensa em processar o tucano por improbidade administrativa. O factóide está criado. É para isso que o pedaço podre do jornalismo da Folha produziu a matéria-dossiê. Para dar munição ao PT, que desaba nas pesquisas.

Aliás, sobre Lucas Ferraz, Demétrio Magnoli escreveu um artigo especial, na mesma Folha de São Paulo. Leiam para saber que é este repórter.


O jornalismo delinquente

Demóstenes disse o que está nos registros históricos. Os repórteres a serviço de uma doutrina tentam fazer da história um escândalo

AS PESSOAS , inclusive os jornalistas, podem ser contrárias ou favoráveis à introdução de leis raciais no ordenamento constitucional brasileiro. Não é necessário, contudo, falsear deliberadamente a história como faz o panfleto disfarçado de reportagem publicado nesta Folha sob as assinaturas de Laura Capriglione e Lucas Ferraz ("DEM corresponsabilizanegros pela escravidão", Cotidiano, 4/3).

A invectiva dos repórteres engajados contra o pronunciamento do senador Demóstenes Torres (DEM-GO) na audiência do STF sobre cotas raciais inscreve no título a chave operacional da peça manipuladora. O senador referiu-se aos reinos africanos, mas os militantes fantasiados de repórteres substituíram "africanos" por "negros", convertendo uma explanação factual sobre história política numa leitura racializada da história.

Não: ninguém disse que a "raça negra" carrega responsabilidades pela escravidão. Mas se entende o impulso que fabrica a mentira: os arautos mais inescrupulosos das políticas de raça atribuem à "raça branca" a responsabilidade pela escravidão.

Num passado recente, ainda se narrava essa história sem embrulhá-la na imaginação racial. Dizia-se o seguinte: o tráfico atlântico articulou os interesses de traficantes europeus e americanos aos dos reinos negreiros africanos. Isso não era segredo ou novidade antes da deflagração do empreendimento de uma revisão racial da história humana com a finalidade bem atual de sustentar leis de divisão das pessoas em grupos raciais oficiais.

Demóstenes Torres disse o que está nos registros históricos. Os repórteres a serviço de uma doutrina tentam fazer da história um escândalo.

O jornalismo que abomina os fatos precisa de ajuda. O instituto da escravidão existia na África (como em tantos outros lugares) bem antes do início do tráfico atlântico. Inimigos derrotados, pessoas endividadas e condenados por crimes diversos eram escravizados. A inexistência de um interdito moral à escravidão propiciou a aliança entre reinos africanos e os traficantes que faziam a rota do Atlântico. Os empórios do tráfico, implantados no litoral da África, eram fortalezas de propriedade dos reinos africanos, alugadas aos traficantes.

O historiador Luiz Felipe de Alencastro, convocado para envernizar a delinquência histórica dos repórteres ("África não organizou tráfico, diz historiador"), conhece a participação logística crucial dos reinos africanos no negócio do tráfico. Mas sofreu de uma forma aguda e providencial de amnésia ideológica ao afirmar, referindo-se ao tráfico, que "toda a logística e o mercado eram uma operação dos ocidentais".

Os grandes reinos negreiros africanos controlavam redes escravistas extensas, capilarizadas, que se ramificavam para o interior do continente e abrangiam parceiros comerciais estatais e mercadores autônomos. No mais das vezes, a captura e a escravização dos infelizes que passaram pelas fortalezas litorâneas eram realizadas por africanos.

Num livro publicado em Londres, que está entre os documentos essenciais da história do tráfico, o antigo escravo Quobna Cugoano relatou sua experiência na fortaleza de Cape Coast: "Devo admitir que, para a vergonha dos homens de meu próprio país, fui raptado e traído por alguém de minha própria cor". Laura e Lucas, na linha da delinquência, já têm o título para uma nova reportagem: "Negros corresponsabilizam negros pela escravidão".

O tráfico e a escravidão interna articulavam-se estreitamente. No reino do Ndongo, estabelecido na atual Angola no século 16, o poder do rei e da aristocracia apoiava-se no domínio sobre uma ampla classe de escravos.

No Congo, a população escrava chegou a representar cerca de metade do total. O reino Ashanti, que dominou a Costa do Ouro por três séculos, tinha na exportação de escravos sua maior fonte de renda. Os chefes do Daomé tentaram incorporar seu reino ao império do Brasil para vender escravos sob a proteção de d. Pedro 1º.

Em 1840, o rei Gezo, do Daomé, declarou que "o tráfico de escravos tem sido a fonte da nossa glória e riqueza".

Em 1872, bem depois da abolição do tráfico, o rei ashanti dirigiu uma carta ao monarca britânico solicitando a retomada do comércio de gente.

O providencial esquecimento de Alencastro é um fenômeno disseminado na África. "Não discutimos a escravidão", afirma Barima Nkye 12, chefe supremo do povoado ganês de Assin Mauso, cuja elite descende da aristocracia escravista ashanti. Yaw Bedwa, da Universidade de Gana, diagnostica uma "amnésia geral sobre a escravidão".

Amnésia lá, falsificação, manipulação e mentira aqui. Sempre em nome de poderosos interesses atuais.

43 comentários

Então FSP é só demitir o DELINQUEMTE , mentiroso, asqueroso, bandido incomPeTente jaaaasssa.
Simples assim como diria R A .
Hihihihihi

Reply

e Aecio tem que solicitar, através da Justiça, espaço igual naquele jornaleco para que eles publiquem o desmentido e com a publicação de toda a documentação já apresentada...

Reply

Montar dossiês falsos e tudo quanto possa prejudicar os adversários, nisso o PT é especialista - todos os meios justificam os fins - mas está tão bem cotado que Dilma nem pode aparecer em público, que o diga a Copa nos estádios ao anunciar seu nome no telão.
O PT vai investir numa Dilma por detrás das telas de tv com aplausos de "multidões", mas sair ás ruas ao vivo, nem pensar...
Só com Aécio!

Reply

Coronel,

Aécio Neves precisa entrar com processo cabível de calúnia contra o repórter e contra a Folha de São Paulo. Simples assim.

Essa esgotosfera asquerosa precisa aprender que a verdade não pode ser esmagada por sua ideologia obscura e criminosa. Se não houver punições exemplares prosseguirão mentindo e caluniando.

ASSASSINOS DE REPUTAÇÕES!

Flor Lilás

Reply

Faz muito tempo que as reportagens e colunistas distorcem notícias naquele jornal, quando não, explicitamente, trabalham em prol do governo.

Reply

Coronel,
sim, mais a Folha deixa esses crápulas escrever o que quer? Não tem desculpas, é conivente, no mínimo.

Reply

Há 4 anos,cancelei minha assinatura de mais de 20 anos com a FSP por sua postura petralha e convido os leitores do blog que são assinantes desse jornaleco, a fazerem o mesmo .

FORA DILMA! FORA P.T.! ABAIXO A FOLHA DE SÃO PAULO!

Reply

Basta a Folha demitir e desmentir o criminoso. Simples.

Reply

Coronel, só ver no Facebook do sujeito o naipe: livrinho do Marighella e aqueles lixos que o PHA gosta de divulgar. Esse aí é o componente ultra-petralha da já petralha FSP:
https://www.facebook.com/lucas.ferraz.9634?fref=ts

Reply

Assim como fiz, cancelei assinatura da Zero Hora, os paulistas devem fazer o mesmo e deixar de ler este jornal nojento!

Reply

Todos os jornais são escritos para leitura preferencial nos banheiros.
Alguma paginas para serem lidas e outras, chamadas com propriedade de "Marron", como estas dos jornalistas Lucas, para assepsia da tabua da privada e depois para o usuario se Limpar, deixando o banheiro somente com as paginas que foram escritas para a leitura !

Reply

A cara do vagabundo é mesmo convincente, um petralha endustido a serviço do PT. Quem acredita em jornalista engajado?

Reply

Campanha na rede para cancelar assinatura do jornal. Tiram o repórter na hora.

Reply

Acanalha está agitada, e a Folha não vai fazer nada? Os donos do jornal aceitam delinquentes em suas fileiras? Há muito tempo deixei de comprar a folha, ainda bem.

Reply

Ao invés de ficar desmentindo os canalhas, Aécio Neves deveria escancarar o Foro de São Paulo, esclarecendo os eleitores sobre o plano destes comunas celerados.

Reply

Temos que divulgar para todos os cantos.
Coturno, sugiro que deixa essa matéria em evidência, essa e outra sobre o porto de Cuba...
O Gentalha!!! Eles não tem limites...

Reply

Aeroporto de Cuba...

Reply

Pra um vagabundo deste sô tem um jeito um bom chicote ou uma vara de marmelo e tome peia.

Reply

Vamos reclamar no site deles sobre esta reportagem:

facebook.com/folha.ombudsman

Reply

Muito bom mostrar a cara do CRETINO. (Eu ia dizer do "safado", mas não quiz ser censurado. Um nojento desses tem que ir trabalhar num jornaleco do tipo Carta Capital, não em jornal que ostenta os maiores índices de venda no país. Esse nojento é feito para os lixos da esgotosfera de PHA e congêneres.

Reply

Muito bom mostrar a cara do CRETINO. (Eu ia dizer do "safado", mas não quiz ser censurado. Um nojento desses tem que ir trabalhar num jornaleco do tipo Carta Capital, não em jornal que ostenta os maiores índices de venda no país. Esse nojento é feito para os lixos da esgotosfera de PHA e congêneres.

Reply

Humm... olha a carinha de viagem e a boquinha de chupar rolha.

Reply

Lá na uol, continua as manchetes sobre o assunto, não consegui postar la nos comentários.
Alô pessoal da campanha do Aécio, vaõ la se defender...

Reply
Despetralhando mod

Sugiro o filme La Amistad.

Reply

Cel.


Esse cabra da Folha é safado logo a folha não fica atrás.


Toloco

Reply

Já disse aqui várias vezes, e repito: É difícil, talvez impossível, tirar comunista do poder com eleições!!! Eles dominam tudo, rapidamente!!! O Brasil se encontra exatamente na fase do primeiro governo de Chaves: se continuar no poder por mais alguns anos, NÃO HAVERÁ MAIS VOLTA!!!!

Reply

Cel
Tem um texto de hj no tio Rei, que fala sobre a mentira de que foi vítima o Aécio.
Esther

Reply

Jornalista manipulador deveria ser demitido. Escrevam pra folha.

Reply

Olhando para a foto confirmamos o focinho vermelho desse escroque filhote da cadela !!!!
É mais um que tem a certidão do nascimento incompleta pois falta o nome do vagabundo que fornicou a vagabunda que defecou esse lixinho !!!
Vai te catar ! Se o vir na rua, pode apostar que esse aí vai sentor o peso das minhas mãos no seu focinho vira-lata \|!

Reply

Compartilhe o vídeo para a matéria não acabar mal compreendida!!
https://www.youtube.com/watch?v=1nY2axb3Sbc

Reply

ESTE ATO "CRIMINOSO" NÃO PODE FICAR IMPUNE!
Vamos todos denunciar este fato e exigir da FOLHA que enxote estes CRIMINOSOS de dentro do jornal.

Reply

Esse jabuti acima é o novo herói do PT? ganhou quanto para escrever essa bobagem denuncista furada? Aécio é um homem honesto, nada há contra ele e seus atos. Mal começou a campanha e já surge um comprado a dizer besteiras. Mas hoje em dia, conhecendo o PT, Lula, Dilma e os mensaleiros, quem acredita nessa corja? Com certeza só os comprados e corruptos alinhados com o governo.

Reply

Mas o DEMÉTRIO tem alguma isenção para julgar jornalista articulista a serviço do PSDB.

Reply

Finalmente. Gostei dessa, tem que dar nome aos bois!

Reply

Alguém tem que investigar a vidinha deste vagabundo, e dar uma sova das boas nele pra deixar de ser mentiroso.

OS CARAS:

Reply

A Folha deve uma explicação e um esclarecimento sobre isso, por ser conivente com esse tipo de jornalismo, iremos todos divulgar essa notícia.

Reply

Começou o terrorismo eleitoral!! Com o Aécio subindo nas pesquisas, o PT partiu pra apelação e tentou desmoralizar o Aécio!

Reply

Huumm !! Mais uma “jogadinha” suja e covarde destes mentirosos que prometeram “fazer o diabo” para ganhar a eleição e, agora tratam de cumprir o prometido. Mesmo depois do cabal e imediato desmentido do que foi publicado levianamente pela Folha contra o candidato do PSDB, infelizmente a repercussão já tinha sido disseminada nos blogs imundos e desonestos. Pior do que isto, alguns blogs que se dizem anti petistas como um tal comandado por um “ente (sempre) descontente” (auxiliado por seu fiel escudeiro” e puxa saco “JeGue de Tróia”), maldosa e insidiosamente, colocou nas entrelinhas, mesmo depois do desmentido, o seguimento das mentiras petistas (“aeroporto da família” ou “vem aí mais uma denúncia contra o coisa ruim. É verdade? Sei lá!”). Muito cuidado com os que dizem ser anti PT mas, usam métodos petistas para ajudar a difamar a real oposição, quem sabe para promover um segundo turno entre antigos “amigos” e agora supostamente adversários!!
O preço da liberdade é a eterna vigilância !!!
Voeeii…

Reply

Certamente que essa notícia só poderia ter saído da "banda podre" do jornalismo. É o tipo de notícia criada para gerar um burburinho passageiro, pois eles mesmos sabiam que logo seria desmentida e provada, como aconteceu. Mas como escrúpulos é o que lhes falta, pouco se importam, o que querem é viver um dia de cada vez, para ver se chegam até a reta final, enrolando e manipulando a população. FORA PT, e leva junto toda esta sujeira e poluição política que só vocês conseguem produzir.

Reply
José Antônio de Ávila mod

Com certeza que com o crescimento do senador Aécio Neves nas pesquisas para a Presidência da República e a conseqüente queda da “presidenta” candidata, não será de se estranhar que adversários queiram criar e prosseguir com alguma campanha caluniosa contra ele. Há muitas mentiras sendo espalhadas por aí, especialmente na internet.
Como sabemos, é a inveja a força motriz da calúnia: ela pretende desqualificar alguém que incomoda em razão de suas qualidades. Então, é preciso tomar cuidado com este estado de coisas! Os absurdos e a má-fé das falsas acusações ficam bastante claros quando se constata a quem interessa tais procedimentos. Tais procedimentos quase sempre tem "endereços certos" em suas origens.
Sabemos que já tentaram, que tentam e que, principalmente a partir de agora, tentarão fazer de tudo para difamar e caluniar o Senador Aécio Neves. É preciso checar tudo (fontes, origens, documentos...) antes de se acreditar em qualquer campanha difamatória ou acusar alguém.
Tais tentativas de manipular a população com informações falsas e mentirosas, só demonstra o desespero dos adversários buscando denegrir a imagem dele. Penso que se tais adversários dispensassem essa mesma energia para resolver seus problemas e os da população brasileira, estaríamos bem melhor e com mais propostas de crescimento em todos os aspectos e, com toda certeza, estaríamos vivendo numa realidade bem diferente!
Felizmente, vejo que o povo brasileiro está repudiando estes arranjos pessoais e políticos e já está começando saber diferenciar e reconhecer a quem interessa tais atitudes, provindas daqueles que só fazem bem a si mesmos, muito mal à Nação, e querem se perpetuar no poder!
Há muita gente recalcada e invejosa, que, sem ideologia e princípios, bajula quando interessa e denigre quando interessa, tentando desqualificar a gestão pública, a honradez e o caráter do mais legítimo herdeiro do pensamento e das ações políticas do saudoso Tancredo Neves.

Reply
Otavio Diniz mod

petistas são especialistas em uma única coisa: falcatruas. isso explica, só poderia mesmo ter vindo de alguém que compactua com essa política suja e mentirosa... que bom que os esclarecimentos estão facilmente acessíveis pela internet mas a Folha deveria se retratar!

Reply
Otavio Diniz mod

petistas são especialistas em uma única coisa: falcatruas. isso explica, só poderia mesmo ter vindo de alguém que compactua com essa política suja e mentirosa... que bom que os esclarecimentos estão facilmente acessíveis pela internet mas a Folha deveria se retratar!

Reply

Mentiram onde?, chamaram ele de pilantra?..kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Reply